segunda-feira, 13 de julho de 2009

Fortaleza bela?











Hoje darei um tempo da poesia e da prosa para dividir com vocês leitores, o "susto" que tive ao chegar em Fortaleza de férias, logo no primeiro dia. Apesar das fotos falarem por si, escrevi o seguinte texto:








Fortaleza Bela, “slogan” da atual prefeitura de Fortaleza no Ceará, tem trazido algumas melhorias para a cidade, realmente. Para os turistas com certeza, mas estas fotos feitas no cruzamento das ruas Henrique Autran e João Tomé, no bairro do Monte Castelo, na chamada Regional 1, que segundo o site da prefeitura: “A Secretaria Executiva Regional I (SER I) abrange 15 bairros: Vila Velha, Jardim Guanabara, Jardim Iracema, Barra do Ceará, Floresta, Álvaro Weyne, Cristo Redentor, Ellery, São Gerardo, Monte Castelo, Carlito Pamplona, Pirambu, Farias Brito, Jacarecanga e Moura Brasil. Nesta região, moram cerca de 360 mil habitantes. Localizada no extremo Oeste da cidade, foi nesta área que nasceu a nossa Capital. Atender bem à comunidade e minimizar os problemas desta parte da cidade são os objetivos das ações da SER I.” (http://www.fortaleza.ce.gov.br/, informação do dia 13 de Julho de 2009, 08h00minh).

Em matéria anterior publicada no site colaborativo Overmundo, veja o link: http://www.overmundo.com.br/banco/cultura-do-lixo , datado de Janeiro de 2009, onde questionava os hábitos dos moradores locais, onde se poderia figurar uma espécie de “cultura do lixo”. À época, moradores apontavam o problema, com a visível possibilidade de disseminação de doenças na região pelo acúmulo de lixo. Este cidadão retornou ao mesmo local, seis meses depois, agora em Julho de 2009 e ao entrevistar os mesmos moradores, como o Sr. Inácio Dutra, foi denunciado que a regional colocou um fiscal, e que este fica até o meio-dia. Um caminhão da prefeitura foi mobilizado para retirada do lixo do local, mas não resolveu o problema, uma vez que alguns carroceiros que despejam lixo no local até ameaçam retaliar quem os denunciar.
O Sr. Zulmar, funcionário da EMLURB, que é o atual fiscal da prefeitura, me afirmou que o caminhão vem dia sim dia não, ou ainda, não tem dia certo para passar, no momento da entrevista ligava para o responsável para remover o lixo, sem êxito. O Sr. Antônio, morador do beco logo ao final da Rua Henrique Autran, afirma que não adianta nada, que o caminhão passa e logo jogam o lixo de novo, que jogam até animal morto e que o filho de outro morador, Marcelo, já contraiu a “doença do rato”.
Zulmar ainda aponta que, se o centro de Treinamento Manuel Dias Branco, onde o lixo é despejado, e onde funciona creche, grupos de apoio como NA, AA, etc..., tivesse uma administração mais eficiente poderia ajudar a resolver o problema.
Diante das entrevistas e das fotos, este cidadão que escreve o presente texto faz algumas considerações:
O poder público não pode se isentar de sua responsabilidade perante seus cidadãos, deve buscar políticas públicas que solucionem a situação, e não um “tapa-buracos” para dizer que se faz algo; a população tem sua responsabilidade na sua comunidade daí alguns moradores se mobilizarem para ajudar a administração pública a ver a situação; situações de risco de saúde como esta estão claras e não condizem com o “slogan” da cidade, chega a ser irônico; que o poder público deva ser mobilizado em todas as regionais independente de seu poder financeiro e não concentrar suas ações em áreas turísticas.

9 comentários:

  1. Nossa Cristiano, que podridão!
    O Brasil é um País de extremas diferenças... É incrivel. Eu costumo fazer várias comparações.
    Mas uma cidade como Fortaleza que é super turística ficar com lixo assim na rua é um absurdo. As pessoas deveriam ser mais educadas, porém se não se sabe dia do lixo do caminhão, nem se sabe se vai passar... É quase em vão a educação. Essa prefeitura deveria ser multada por isso.
    Abraço

    ResponderExcluir
  2. Entendo o inconformismo. Mas quem é capaz de mudar algo que não deseja ser mudado? Um empurrãozinho, beleza, em alguns casos até funciona. Mas um emurrãozão pode tirar o trem do trilho. Boas férias!

    ResponderExcluir
  3. Inicialmente pensei que a comunidade estava passiva diante do problema. Agora compreendi que não está. Sendo assim, vá com um empurrãozão mesmo: prepare um megafone de cartolina e chama o povo pra rua! (ahaha)

    ResponderExcluir
  4. cristiano, seu susto é compreensivel, mas essa situação está em toda parte...aqui em brasilia não é tão diferente, o rio de janeiro, nem se fala...são paulo, idem... este abandono e depauperação das cidades está ligado à própria cultura da população, que não entende e nem ajuda a conservar as cidades, aliado aos poderes publicos, que também não fzem sua parte... enfim, vamos denunciar, prá ver se melhora. abraço danilo

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que relaxamento!!!
    Coisa bem feia...

    Bjss

    ResponderExcluir
  6. Oi Cris,
    Nossa... Que relaxo da prefeitura
    Seu texto me fez lembrar de uma linda praça aqui perto e que vive imunda. É que os vendedores de rua acumulam todo o lixo das coisas que vendem, do que comem e até do que vestem, pois é comum tomarem banho em uma pequena fonte e lavarem ou abandonarem a roupa ali mesmo.
    E olha que é uma praça em frente a um dos maiores cruzamentos de Manaus e também fica
    ao lado de um FORUM. Um absurdo sem tamanho.
    Dá um desgosto, mas qualquer dia saio para caminhar com a minha máquina e também registro.

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Caros amigos poetas e jornalistas,
    Agradeço a leitura e os ricos comentários. dan tem razão que não é só em Fortaleza. Dô, faça isto, ajuda aos moradores da cidade. Pois é tita, também fiquei pasmo, ainda mais que nasci lá. Caio os moradores não estão passivos, talvez um tanto descrentes, mas ativos. No final deste texto, o lixo foi removido, e demorou cerca de vinte horas para colocarem lixo de novo. Na sexta-feira, estas fotos foram tiradas na segunda, o quadro era o mesmo, pena não ter fotografado. Tive notícia que jogaram lixo dentro da casa de moradores que relataram suas experiências aqui.
    Triste realidade, mas que não é a mesma em locais turísticos, aí uma pergunta, não é a mesma cidade???

    ResponderExcluir
  8. Tatiane Vasconcelos30 de abril de 2010 12:21

    Hoje dia 30 de abril de 2010 fiz algumas fotos para mostrar como Fortaleza pretende receber a Copa 2014. Não tenho blog para divulga-las, mas pretendo fazer por email. As ruas nas imediações do Castelão estão um caos, dizem por aqui, que vai ficar tudo maravilhoso,que vão fazer isso e aquilo, porque vão receber a copa. Mas acho que talvez só por isso, porque duvido muito que alguma coisa fosse feita se Fortaleza não tivesse sido escolhida uma cidade sede. Exitem duas Fortaleza, uma realmente muito bela para os turistas, porque a realidade dos moradores é bem diferente.
    A questão do lixo nas ruas é uma questão cultural e que não é só um problema de Fortaleza como já disseram aqui. Presenciei outro dia a prefeitura tirando lixo e no outro dia um monte já está lá de volta.
    Nas fotos que fiz mostram além do lixo, esgotos a céu aberto, buracos imensos abertos, ruas completamente abandonadas pelo descaso das autoridades, que só levam melhoria para os bairros nobres de Fortaleza.
    Se alguém quiser receber estas fotos. Envie um email para tatiane@floridatravel.com.br
    Twitter: @tat_vasconcelos

    ResponderExcluir
  9. Hoje dia 30 de maio de 2010 fui tirar algumas fotos para mostrar a Fortaleza Bela que o turista não vê. A Fortaleza que pretende receber a Copa de 2014.
    Dizem por aqui que tudo vai melhorar devido a copa 2014. É no que todos acreditam!
    Eu particularmente não consigo acreditar.
    E porque esperar um evento deste nível para fazer algo? Então é só por isso que será feito?
    As fotos mostram não só lixo como em suas fotos Cristiano, mas mostram esgoto a céu aberto, buracos enormes na rua, abertos sei lá a quanto tempo, pois moro aqui na região há quase 3 anos e desde então eles estão lá.
    É impressionante o descaso das autoridades.
    Não tenho um blog ativo para divulgar estas fotos mas vou fazer através de email e do twitter (@tat_vasconcelos) e por email. Se desejar receber este email, enviei sua solicitação para tatiane@floridatravel.com.br

    ResponderExcluir

Deixe aqui a sua impressão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...